Veja os times que correm risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro 2018

Com o Paraná virtualmente rebaixado, há 9 times brigando pela permanência na Série A.



Por Nilo Almeida

O Campeonato Brasileiro chega à sua reta final, e, com nove rodadas restantes, a briga para fugir da zona de rebaixamento se acirra.

Na Série A três das quatro últimas posições estão em jogo, já que o Paraná Clube está virtualmente rebaixado, tendo somado apenas 17 pontos em 29 rodadas disputadas.

Os paranaenses ocupam a lanterna do Brasileirão com 10 pontos a menos que o Sport, 19º colocado. Chapecoense e Ceará completam o Z4, ambos com 31 pontos. Lembrando que o time nordestino tem uma partida a menos, que será disputada contra o Cruzeiro no dia 24/10, válida pela 28ª rodada.

Fora os quatro da zona da degola, outros cinco times terão a missão se afastar do risco de rebaixamento. Com 35 pontos, Botafogo e Corinthians são respectivamente 11º e 12º na tabela da Série A, e estão a apenas quatro pontos do Z4. Bahia e Vasco têm 34 pontos, o América MG tem 33 e o Vitória - primeiro fora do Z4 – soma 32 pontos.

Todas as equipes que ocupam da 11ª até 16ª colocação podem entrar na zona de rebaixamento nas próximas duas rodadas, e a disputa pela permanência na primeira divisão só deve ser definida na última rodada do campeonato. Haja coração!

Alguns confrontos diretos já vão ocorrer na próxima rodada, casos de Botafogo x Bahia no Rio de Janeiro, Sport x Vasco em Recife e Vitória x Corinthians em Salvador.

[+] Veja a tabela da Série A atualizada

Risco traduzido em números

O Departamento de Matemática da UFMG calculou as probabilidades de rebaixamento de cada um destes clubes após a 29ª rodada, e aponta Paraná (99%), Sport (85,6%), Chapecoense (53,3%) e Vitória (36%) como os quatro clubes que disputarão a Série B do Campeonato Brasileiro em 2019.

Ceará com 30,2% de chance de rebaixamento, América MG com 29,3%, Vasco com 16,9%, Bahia com 16,4%, Corinthians com 15,4% e Botafogo com 12,1% completam a lista das equipes com maior risco de caírem.

O cálculo da UFMG aponta ainda um risco de 3,4% de que o Fluminense volte à segunda divisão, 0,95% de risco para o Cruzeiro, 0,51% para o Atlético PR e 0,011% de risco para o Santos.

Estipula-se, após 29 rodadas disputadas, que as equipes que somarem 43 ou mais pontos ao fim das 38 rodadas vão permanecer na Série A do Campeonato Brasileiro em 2019.

Série A rebaixamento Paraná Clube Sport Chapecoense Vitória Vasco Corinthians Ceará América MG Botafogo
Voltar