Histórico de Flamengo e Grêmio em semifinais de Libertadores

Saiba qual é o desempenho dos dois times brasileiros nesta fase da competição



O jogo entre Flamengo e Grêmio, pela semifinal de Libertadores, é o mais importante para as equipes na temporada, pelo peso que as duas camisas carregam. Os clubes reinam entre os mais expressivos do país e lutam pelo sonho de conquistar a América. Mas você sabe como os times se saem em semifinais? Se for falar de experiência, os gaúchos estão bem à frente dos cariocas. Mas se o assunto for o momento, o rubro-negro vive sua melhor fase depois de anos.

Flamengo

O Flamengo levantou a taça da Copa Libertadores da América em uma única oportunidade, em 1981. Naquele tempo, o clube tinha Zico como o nome principal. De lá para cá, em 14 participações, vire e mexe o time caia, ou nas fases de grupo, ou nas oitavas de finais. Neste meio tempo, o rubro-negro chegou a somente duas semis: 1982 e 1984. Nesse período, a competição tinha um outro formato. Este que conhecemos hoje foi implementado em 1988.

Antes, dois grupos de três eram formados e os melhores clubes de cada chave iam para final.

Nas disputas, o clube do Rio de Janeiro foi eliminado diante do Penarol e River Plate, em 1982. Dois anos depois, a queda foi contra Grêmio e Universidad de Los Andes, em 1982.

Em 2019, um jejum já foi quebrado pelo Flamengo. Depois de 35 anos sem saber o que era chegar em uma semifinal, o time agora está nela. Não à toa, o torcedor está com os dedos cruzados, para que outra espera chegue ao fim, a do título.

+ Veja: Qual seria o time titular ideal entre Flamengo e Grêmio?

Grêmio

Se o Flamengo não tem um histórico forte na Libertadores, o Grêmio é o inverso. O clube já foi campeão do torneio em três ocasiões: 1983, 1995 e 2017. O que o faz estar entre os três clubes brasileiros, ao lado de São Paulo e Santos, mais vencedores do campeonato. Para tal feito, o time gaúcho já bateu na trave algumas vezes. O time já chegou a nove semifinais. Além dos anos em que se sagrou campeão, as outras ocasiões em que chegou à fase foi em 1996, 2002, 2007, 2009, 2017 e 2018. Dessa forma, esta é a terceira temporada consecutiva que o tricolor disputa a semi da competição.

Com cinco participações em finais, a equipe gaúcha é o segundo clube brasileiro, atrás somente do São Paulo, que mais participou de finais da liberta.

+ Leia Também: Times com mais títulos da Libertadores da América

O jogo da volta

O primeiro jogo da semifinal entre Grêmio e Flamengo foi em terras gaúchas e terminou empatado em um a um. Com o resultado, na partida da volta, o Grêmio avança com vitória por qualquer placar, ou em caso de empate por mais de dois gols, já que o tento marcado fora de casa vale como critério de desempate. Caso o resultado da partida anterior se repita, a decisão vai para os pênaltis. Nova igualdade, mas sem gols, classifica o Flamengo, assim como qualquer vitória do time carioca.

+ Veja o Raio-X das semifinais da Libertadores


E para você, quem é o favorito para chegar à final de Copa Libertadores da América?

Em 22/10/2019 por Daniela Versiane

Flamengo Grêmio histórico Libertadores semifinais
Voltar