Conheça os 10 maiores salários do Campeonato Brasileiro 2018

Cruzeiro, Flamengo e Palmeiras pagam maiores salários no Brasil. Grêmio, Internacional e São Paulo completam a lista.



Por Nilo Almeida

O futebol brasileiro há décadas não consegue competir com outros mercados em termos financeiros, e, ano após ano, os principais destaques em termos técnicos deixam de atuar no Campeonato Brasileiro e migram muitas vezes para ligas inexpressivas, seduzidos por salários impraticáveis no Brasil.

O Campeonato Chinês, por exemplo, reúne diversos atletas e profissionais de comando técnico que deixaram o Brasil - e até mesmo grandes clubes Europeus - para ganhar salários de dimensão astronômica, tais como Renato Augusto, Oscar, Paulinho, Talisca, Pato, Diego Tardelli e Hulk.

Vale destacar também o ucraniano Shaktar Donétski, que recentemente tirou o meia Maycon do Corinthians, e já lucrou muito comprando barato e revendendo às centralidades européias jogadores como Fred, hoje no Manchester United, e Willian, do Chealsea. Por lá já passaram tantos outros jovens talentos revelados no Brasil, tais como Luis Adriano, Douglas Costa, Ilsinho, Alex Teixeira, Fernandinho e os já veteranos Jádson e Elano.

Embora o Brasil tenha atualmente os dois clubes mais valiosos da América, Corinthians e Palmeiras, avaliados pela Forbes em 462 e 424 milhões de dólares, respectivamente, o poderio financeiro do futebol brasileiro é muito pequeno em questão de manutenção de atletas.

Leia Também - Maiores salários do futebol brasileiro em 2019

Em busca de compor elencos mais competitivos, algumas equipes se esforçam para atrair atletas de renome e alto desempenho, firmando parcerias e muitas vezes estabelecendo contratos nocivos para seus cofres, na tentativa de viabilzar a manutenção de jogadores valorizados internacionalmente em seus elencos.

Confira a seguir o levantamento dos valores firmados em contrato com os jogadores mais bem pagos do Campeonato Brasileiro em 2018. Dentre as 20 equipes apenas Cruzeiro - com 4 atletas, Flamengo, Grêmio Internacional e Palmeiras - com 2 atletas cada, e São Paulo, com apenas um atleta, figuram no ranking de maiores salários.

Leia Também - Palmeiras, Grêmio e Flamengo têm os times mais valiosos do Brasil em 2018

Segue a lista detalhada:

1º - Paolo Guerrero do Flamengo - R$ 950 mil por mês, 11,4 milhões ao ano.

*Guerrero foi contratado pelo Internacional em agosto de 2018, com salário de R$ 6 milhões por ano.

2º - Lucas Lima do Palmeiras - R$ 800 mil por mês, 9,6 milhões ao ano.

3º - Thiago Neves do Cruzeiro - R$ 750 mil por mês, 9 milhões ao ano.

4º - Diego do Flamengo - R$ 715 mil por mês, 8,5 milhões ao ano.

5º - Diego Alves do Flamengo - R$ 700 mil por mês, 8,4 milhões ao ano.

6º - Fábio e Henrique do Cruzeiro - R$ 650 mil por mês, 7,8 milhões ao ano.

7º -  D'Alessandro do Internacional - R$ 600 mil por mês, 7,2 milhões ao ano.

        Dudu do Palmeiras - R$ 600 mil por mês, 7,2 milhões ao ano.

        Fred do Cruzeiro - R$ 600 mil por mês, 7,2 milhões ao ano.

        Geromel do Grêmio - R$ 600 mil por mês, 7,2 milhões ao ano.

8º - Luan do Grêmio - R$ 580 mil por mês, 6,9 milhões ao ano.

9º - Rafael Sóbis do Cruzeiro - R$ 500 mil por mês, 6 milhões ao ano.

10º - Diego Souza do São Paulo - R$ 450 mil por mês, 5,4 milhões ao ano.

Maiores Salários Série A Brasileiro
Voltar